AMAZON INVESTE EM SALÃO DE BELEZA TECNOLÓGICO - HM em Revista
 em Notícias

O mundo que assistimos nos desenhos dos Jetsons está cada vez mais próximo da realidade. Internet das coisas, realidade aumentada, inteligência artificial são termos corriqueiros. Agora, a Amazon dá mais um passo na evolução da beleza turbinada, ao inaugurar um salão de cabeleireiros especial, em Londres.

Com dois andares, e mil e quinhentos metros quadrados, o Amazon Salon fica no bairro de Spitafields e oferece como grande diferencial aos clientes uma experiência de beleza high-tech. Antes de decidir, por exemplo, pelo corte ou coloração, o usuário pode testar todas as opções por meio de um tablet equipado com realidade aumentada.

O catálogo é acessado com uma tecnologia que permite apontar para um produto na prateleira para ativar uma tela com informações e vídeos do item escolhido. Enquanto isso, as compras são feitas por um código QR que já entrega os itens em casa. Cada cliente tem acesso a um tablet individual para passar o tempo durante a visita.

O diretor da Amazon UK, John Boumphrey, afirma que “o salão foi projetado para os clientes experimentarem o melhor dos produtos para cabelo e os melhores hair stylists da indústria”.

Os dirigentes da Amazon revelam ainda que a iniciativa não significa a abertura de um novo segmento. A empresa não pretende ter filiais ou franquias de salão de beleza. A ação é um investimento de marketing para alcançar setores de moda e beleza em geral.

O Amazon Salon ainda não está aberto ao público em geral- apenas funcionários podem desfrutar do espaço. Mas a companhia já avisou que deve abrir as portas para o público em geral nas próximas semanas- respeitadas, evidentemente, as restrições impostas pela pandemia de Covid-19.

É certo que não é vontade da empresa criar outros Amazon Salon por aí, mas a companhia demonstra interesse em desenvolver e vender essas tecnologias para outros varejistas.

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar