The Art Salon - HM em Revista
 em Notícias

Amigos de longa data, os cabeleireiros Rodrigo Cintra  e Dougllas Dias  inauguram em plena pandemia o que poderia ser inimaginável: um mega salão com 800 metros quadrados num dos bairros mais nobres de São Paulo, com decoração grifada do piso ao teto. Ostentação merecida para uma dupla que tem uma trajetória marcada pela dedicação à profissão

 

Felizes coincidências da vida: o nome The Art Salon (@theartsalon_) foi registrado antes mesmo dos cabeleireiros encontrarem o casarão, que antes abrigava uma galeria de arte. “Por isso não pensamos duas vezes em respeitar a estrutura original do lugar, que remete a um imóvel modernista em forma de cubo branco com características singulares. A minuciosidade em cada acabamento não se perde na grandiosidade do casarão com quase 800 metros quadrados”, afirma Rodrigo Cintra.

 

 

Cintra e Dias fizeram questão de manter a escada escultural, que apresenta a mesma sinuosidade dos degraus do MO Modern Art Museum, na Lituânia. Mas, deram seu toque pessoal: ela foi toda revestida com carvalho europeu, ganhou pintura em tons preto e branco e balizadores intercalados nos degraus. Resultado: charme, delicadeza e iluminação pontual.

 

 

A exuberância também vem de cima, mais especificamente da claraboia de vidro e em formato de pirâmide no teto do The Art Salon. “Digo que é uma escultura, e que remete imediatamente ao museu do Louvre, em Paris. Sem contar que poder contemplar o céu e a iluminação natural a qualquer hora do dia se transformou em poesia pura pra quem trabalha e circula no nosso salão”, conta Rodrigo Cintra.

 

 

O espaço é dividido em 35 ambientes, divididos em dois pavimentos, com um pé direito de 9 metros de altura. No térreo estão a recepção, uma área de espera para até 11 pessoas, 11 lavatórios, 6 bancadas e 17 cadeiras e colorbar. “Tivemos muito cuidado com a recepção, porque ela é o primeiro contato que a cliente tem com o salão. E é preciso despertar encantamento e acolhimento”, diz Rodrigo Cintra.

 

Tudo no The Art Salon foi pensado para o cliente maximizar seu tempo. Daí a presença do tradicional bistrô Spazzio Gastronômico, com pratos clássicos da Itália, como o nhoque de muçarela e o carpaccio. “O restaurante divide espaço com uma cascata suspensa composta por plantas naturais e sistema de irrigação automatizado e ladrilhos feitos sob encomenda em tom rosé”, destaca Dougllas Dias.

 

 

Já o mezanino abriga 10 lavatórios, 6 bancadas e 23 cadeiras, uma sala de maquiagem e mais duas privativas, além de colorbar, salas de estética (depilação, podologia, unhas de gel, micropigmentação, alongamento capilar), para procedimentos químicos com vista para um lindo jardim e um espaço exclusivo para noivas.

 

 Os lavatórios são um show tecnológico. “Todos têm ducha com sistema de filtragem de metais pesados e as poltronas são automatizadas. Elas são como as da primeira classe de avião, e é a cliente quem regula a altura e posição em que quer ficar, seja sentada ou totalmente deitada”, explica Dougllas Dias.

 

Os móveis têm design exclusivo e personalizado. “As bancadas, feitas pela Van De Veld, têm a nossa identidade. Queríamos que elas tivessem um sistema em que a cliente pudesse colocar o notebook, ligar seu cabo USB, apoiar prato e copos, enfim, que ela tivesse total conforto para trabalhar e relaxar durante as 4, 5, 7 horas em que ficamos cuidando do cabelo dela. E, para remeter às prateleiras dos anos 1920 pedimos que o design comportasse espelhos em forma de arco e luminárias redondas”, diz Rodrigo Cintra.

 

Apesar de super decorado, o The Art Salon é clean. E, para reforçar essa imagem “limpa” as portas são todas camufladas, embutidas, e sem maçaneta aparente. É assim também na entrada de todos os banheiros, que têm papel de parede de folhagens e iluminação por baixo dos espelhos.

 

Outro ponto de destaque do The Art Salon é o contraste da textura de cimento queimado nas paredes com a iluminação em trilhos e as vigas e o sistema de ar-condicionado aparentes. Essas contraposições definem bem o estilo contemporâneo brutalista, mas cheio de curvas femininas do espaço.

 

Que dupla é essa?

Por que duas hair potências se uniram para abrir um salão juntos quando cada um poderia teria cacife para estampar o próprio nome na porta? Há muitas explicações para isso. Uma delas é que o business man Rodrigo Cintra e o artista Dougllas Dias são amigos de longuíssima data, desde que Rodrigo começou no Studio W e Dougllas era assistente do icônico Miro Pereira, que hoje também atende no The Art Salon. As bancadas próximas alimentaram as conversas diárias e o fortalecimento da relação, bem como a troca de conhecimentos.

A atuação prática e diária também pesou para a sociedade acontecer. Além das duas figuras serem suficientes para encantar e atrair a clientela, Cintra fica no salão cerca de 4 dias por semana e tem agenda com fila de espera para primeiro atendimento de cerca de dois meses; enquanto Dougllas é embaixador da Wella e garante alto faturamento. Sem contar o restante da equipe, formada por cerca de 60 profissionais de primeira linha.

 

Prazer, Rodrigo Cintra e Dougllas Dias

Self-made man, ele tem 42 anos, é cabeleireiro há 27 e foi formado por algumas das principais instituições do mundo, como a Academia Vidal Sasson, nos Estados Unidos, e a rede Cebados, na Espanha. Fenômeno nas redes sociais, Cintra soma 4,4 milhões de seguidores no Instagram (Guy Tang tem menos da metade, 2,1 milhões) e quase 5 milhões no Facebook. É dele o recorde de cabeleireiro que está há mais tempo na tevê: foram 4 anos de Band e 11 de SBT, aparecendo toda semana no programa Esquadrão da Moda, e, desde o ano passado, também na Discovery Home & Health América Latina. Embaixador e coordenador educacional da Olenka Cosméticos, Rodrigo Cintra participa de 400 eventos por ano. Cada curso dado por ele dura, em média, sete horas e tem um público de 450 pessoas. Por ano, ele capacita cerca de 180 mil profissionais. Talentoso, já produziu dois livros sobre cabelos, o Cortes de cabelos – técnicas de modelagem e o Como seu cabelo pode transformar o seu visual.

Já Dougllas tem 33 anos de idade, 11 deles atuando como cabeleireiro. Começou no Studio W, onde conheceu Rodrigo Cintra e tornou-se embaixador da Wella. Especialista em reflexo, luzes, coloração, corte e megahair, se especializou no exterior, em academias como Toni&Guy e L’Oréal Professionnel. Também aprimorou suas técnicas de visagismo com Claude Juillard, em Paris, e de reflexo, em Los Angeles, no renomado salão Nine Zero One.

 

Matéria de Shamia Salem para HM 30

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar